ESPORTE

Competições esportivas de Schroeder não tem programação de retomada




Reconstrução do Ginásio de Schroeder 1 pode custar mais de R$ 60 mil. Foto: Divulgação

Todos os anos, Schroeder movimenta o esporte com competições diversas. Em 2020, estavam programados cerca de 25 campeonatos no município. Estavam. A pandemia do coronavírus não apenas congelou como colocou o calendário em risco e, até o momento, o município não tem programação para retomada das atividades.

“Tínhamos feito um planejamento para retomada em meados de julho, mas agora a ordem é aguardar. Infelizmente estamos com as mãos atadas”, fala a diretora de Esportes, Edite Hang. O novo decreto publicado pelo Governo do Estado suspendeu as competições esportivas até o final de julho e, depois disso, podem existir novas medidas e a prorrogação da suspensão. Por isso, o município não faz planos para a realização de suas competições.

A diretora explica que, neste momento, o município optou por “segurar” para que não haja, novamente, a expectativa de liberação e realização de atividades sem que os planos possam se concretizar. “A hora que tivermos uma liberação, sentamos e fazemos uma análise criteriosa. Em condições normais, o calendário abrange mais de 25 competições, sem contar as categorias de base. Agora, não sabemos o que realmente poderemos realizar”, explica.

Enquanto as atividades não são retomadas, o município trabalha na reconstrução de dois ginásios que sofreram danos com a passagem do ciclone bomba. “Estamos trabalhando internamente na reconstrução porque tivemos a perda quase que total do ginásio de Schroeder 1 e o ginásio do Centro também foi afetado”, diz.

Os investimentos são altos. Segundo a diretora, a estimativa para reconstrução da estrutura de Schroeder 1 é de mais de R$ 60 mil e, para os reparos no ginásio do Centro, o investimento deve girar entre R$ 5 mil e R$ 10 mil.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM