POLÍTICA

Novo decreto em Jaraguá do Sul proíbe circulação do transporte coletivo e realização de missas e cultos. Confira!



A Prefeitura de Jaraguá do Sul e o Comitê Extraordinário Covid-19 definiram nesta sexta-feira, 17 de julho, novas alterações nas medidas de enfrentamento ao coronavírus no Município.

Entre as principais mudanças estão a proibição, a partir de segunda-feira e válidas por 15 dias, da circulação do transporte coletivo, da realização de missas e cultos e de treinos de esportes coletivos ou individuais de contato. Além disso, um novo protocolo de atendimento na Saúde foi definido e será colocado em prática na terça-feira.

Essas medidas se somam ao decreto assinado pelo prefeito Antídio Lunelli no dia 9 de julho e que já havia restringido horário de bares e restaurantes, proibido a realização de festas e eventos seja em ambientes públicos, privados e em residências, e estabelecido novas normas para o funcionamento de supermercados e similares.

A presidente do Comitê e chefe de Gabinete Emanuela Wolff ressalta que Jaraguá do Sul provavelmente está enfrentando o pico do contágio, o que exige medidas mais restritivas. “Desde o princípio estamos trabalhando com análise diária e rigorosa dos números. Agora é hora de apertar, de ficar em casa sempre que puder, de reforçar os hábitos de higiene. Por sua vez, o poder público está aumentando as restrições e intensificando as operações de fiscalização”, diz Emanuela.

Tratativas com o comércio, o setor de serviços e o industrial estão sendo feitas para que se consiga encontrar maneiras de dar suporte em segurança aos trabalhadores com a suspensão do transporte coletivo.

Jaraguá do Sul é referência

Apesar do aumento do número de casos nas últimas semanas que assusta e exige atenção redobrada, Jaraguá do Sul tem uma das mais taxas de letalidade e contágio de Santa Catarina que, por sua vez, é o Estado considerado pelo Centro de Liderança Pública (CLP) com a melhor gestão do combate à Covid-19 do Brasil.

A taxa de letalidade pelo novo coronavírus é de 1,18% em Santa Catarina, menos de um terço da taxa nacional, que é de 3,86%. Em Jaraguá do Sul, por sua vez, esta taxa é de 0,92%.

Na avaliação do prefeito Antídio Lunelli, apesar dos desafios, o Município tem conseguido enfrentar com eficiência um vírus que teve potencial para abalar o mundo todo. “Temos os melhores índices. Mas precisamos lutar com ainda mais rigor nas próximas semanas que são estratégicas. Nosso objetivo com as novas medidas é baixar a curva de contágio sem precisar paralisar a economia. O Brasil vive recordes de desemprego e miséria. Não podemos fechar os olhos para este problema. Sempre fomos uma comunidade disciplinada, podemos e vamos salvar vidas evitando o desemprego e o quebra quebra geral. Contamos com vocês jaraguaenses, que sempre estiveram a postos quando chamados”, disse o prefeito ao assinar o decreto.

Protocolo Covid na Saúde

A partir da próxima terça-feira, dia 21, todas as unidades de saúde do Município estarão concentradas no atendimento a pacientes com suspeita de Covid-19. Porém, consultas de urgência e emergência de outras enfermidades ficam mantidas. Tratamentos e consultas eletivas serão adiados.

Sobre uma das dúvidas frequentes da comunidade, o uso de medicamentos como cloroquina e ivermectina, o secretário de Saúde Alceu Moretti esclarece que desde o início da pandemia eles são utilizados, como parte de um coquetel, quando há indicação médica, portanto, não há nenhuma restrição a eles. “Esses medicamentos e outros como corticoides e azitromicina estão disponíveis e são ministrados quando o médico entende que devem ser. É uma escolha médica, do profissional especializado para decidir”, explica. Moretti também reforça que todos os pacientes sintomáticos que procuram o Pama, até então unidade de referência no tratamento ao coronavírus, já saem de lá com a medicação necessária e gratuita e estão sendo testados sempre que o médico define.

O que diz o novo decreto:

Ficam proibidas a partir de segunda-feira:

- A circulação do transporte público coletivo,

- A realização de missas e cultos,

- Práticas esportivas de contato ou que envolvam contato, práticas esportivas patrocinadas pela administração municipal, excetuando-se os esportes profissionais que seguirão regramento específico do Governo Estadual,

- Fica limitado ao máximo quatro pessoas por mesa nos estabelecimentos (bares, restaurantes, lanchonetes, confeitarias e congêneres).


- Continuam proibidos:

- Cinemas, museus e teatros;

- Eventos em formato drive thru e drive-in de qualquer espécie e formato;

- Abertura de casas de eventos, casas noturnas e parques temáticos;

- Shows, espetáculos, festas e eventos que acarretem reunião de público;

- Atividades esportivas de recreação;

- Apresentações musicais, culturais, esportivas e similares em estabelecimentos comerciais, em serviço de alimentação e bar, em clubes sociais e esportivos, e similares.


Fiscalização intensificada

A fiscalização das medidas será feita pela Vigilância Sanitária e pela Polícia Militar. A equipe de fiscais foi reforçada desde a semana passada e o 190, da PM, foi definido como canal oficial para receber denúncias da população.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM