GERAL

Indicação sugere doação de móveis entregues no PEV a famílias carentes em Jaraguá do Sul

A vereadora Nina Santin Camello (PP), na sessão desta quinta-feira (10), sugeriu ao Executivo, através de indicação legislativa, que os objetos que são entregues no Ponto de Entrega Voluntária (PEV) sejam doados a famílias carentes do município.

A ideia é criar um cadastro de entidades filantrópicas e igrejas que possam fazer a ligação entre o PEV e as famílias. Ela lembra que, por questões legais e burocráticas, a Secretaria de Assistência Social não pode realizar essa distribuição dos objetos diretamente às pessoas.

Nina relata que visitou o local para analisar os objetos que são descartados pela população e se surpreendeu com a quantidade de móveis, eletrodomésticos e utensílios de boa qualidade que são entregues no ponto.

"Pode ser uma cadeira, um monitor, uma batedeira, um fogão, até uma poltrona, que para nós não serve, mas para outras pessoas sim”, frisa.

Mas para esse projeto acontecer, é preciso que o Samae – que é quem administra o local – construa um galpão para dar cobertura aos objetos a fim de que eles não estraguem com a ação do tempo.

A vereadora também lembrou da ideia dos vereadores Onésimo Sell (MDB) e Anderson Kassner (PP) de descentralizar o PEV e implantá-lo, além do Nova Brasília onde está localizado hoje, em outros bairros de Jaraguá do Sul para que seja mais fácil de a população fazer essa descarte de objetos.

A indicação foi aprovada e enviada à Prefeitura jaraguaense para análise.



Galeria de Fotos:





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM